5 dicas para lidar com um feedback negativo

O feedback é uma ferramenta importantíssima em nossas vidas pessoais e profissionais. Não só por causa de sua capacidade de transmitir o que temos feito de bom e no que podemos melhorar, como também devido ao seu alto grau de transformação do que vínhamos fazendo e aprendendo até então.

Entretanto, receber feedbacks negativos nem sempre é fácil: convenhamos que depende muito de quem vem e de como o parecer chega até nós.

O fato é: um feedback bem apresentado pode abrir os nossos olhos para os pontos que faltam para alcançarmos melhores resultados. Por isto que esta prática se torna indispensável nos ambientes que convivemos. As pessoas precisam ter uma percepção delas mesmas para que possam ser cada vez melhores e mais conscientes acerca dos papeis que desempenham e das responsabilidades que têm.

Sabemos que as críticas nem sempre são bem digeridas e precisam de um certo grau de racionalidade e maturidade para que o parecer não afete e prejudique a sua performance.

Foto: Freepik

Sabendo disso, separamos 5 dicas para lidar melhor com feedbacks negativos:

Ouça o feedback negativo com atenção

Quando alguém te dá um feedback, é preciso mais ouvir do que falar. Mesmo que você não concorde com o parecer, é um momento de crescimento pessoal e profissional. Após isso, reflita sobre o que foi falado.

Não leva para o pessoal

Temos a tendência de achar que as pessoas que gostam de nós não nos criticam. Mas, é aí que nos enganamos: as pessoas que gostam de nós nos criticam, só que de forma construtiva.

Em ambientes de trabalho, a crítica não é em relação aos seus valores, crenças e vida pessoal, mas, prioritariamente, ao seu desenvolvimento profissional.

Faça as mudanças necessárias

Um feedback construtivo é uma grande oportunidade de nos enxergarmos como pessoas e profissionais e promovermos as mudanças necessárias para alcançarmos resultados melhores. Desde que seja para fazer o bem, não há problema algum em mudar a rota. As mudanças também promovem um crescimento invejável.

Cuidado com as emoções

É normal que no momento da conversa, as informações estejam à flor da pele. Por isso, a respiração e a calma são fatores essenciais. Antes de responder, dê espaço para absorver as informações e avaliar a melhor forma de resposta (quando necessário).

Não fique preso ao momento

Ao longo da vida, recebemos muitos feedbacks. Então, siga em frente e não fique preso ao momento da conversa. Ficar se lamentando pela crítica não vai promover mudanças e crescimento. Transforme o parecer em uma ferramenta que irá te fazer crescer e melhorar cada vez mais.

Mesmo que você não concorde, o feedback irá te ensinar algo.

A verdade é: sempre estaremos sujeitos a feedbacks, sejam eles negativos ou positivos. O diferencial estará na forma como você administrará e promoverá mudanças a partir deles.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *